terça-feira, 16 de outubro de 2012

Enfim, Notícia boa!

Hoje eu recebi uma notícia incrível! Deus ouviu as minhas preces e meu pai concordou que Dani e Alissa viessem morar conosco :D ela vai ficar aqui, pertinho da gente! Com a minha sobrinha! Mesmo assim, eu já mandei a carta que ia mandar para o padre ela será entregue em urgência do domingo para a segunda. Até lá temos tempo de dar a boa notícia para ela! Vai ser maravilhoso! Só que eu vou ter que entrar nos eixos, afinal Dani trabalha de manhã e eu tenho que cuidar de Alissa até a tarde quando ela volta. Pelo menos eu vou ter uma rotina e vou poder ficar mais perto da minha sobrinha linda, ela vai crescer em um lugar calmo, longe de vícios e eu vou poder ajudar Dani nos estudos! Vai ser realmente incrível! Fiquei muito feliz quando cheguei em casa e minha irmã me contou a boa nova!
Na faculdade hoje não teve aula, pelo menos pra minha sala, saí de lá às oito e meia porque o professor decidiu não aparecer ¬¬' e a minha tarde hoje foi incrivelmente estressante! Fui pagar a faculdade na loteria, enfrentei uma hora de fila e quando finalmente ia ser atendida o sistema de zebra! É mole? Ai fui nos correios para minha irmã, a minha sorte é que lá recebia o dinheiro da faculdade também, mas quando eu entro adivinhem: Outra fila ¬¬' é muita sorte para um dia só! Cheguei em casa perto das seis, fiz tudo as pressas para não me atrasar e quando chego lá o professor deixa a gente plantada! Fala sério, não foi mesmo o meu dia!
Sabe aquela sensação que você tem quando sente que tem alguém querendo falar com você? Eu não sei se estou de fato ficando maluca, mas... As vezes, eu me pego pensando que o David me manda mensagens... Desde que ele morreu eu tenho me apegado muito com músicas significativas, começou com Dead Boy's Poem, que eu nunca tinha ouvido, mas que era como uma mensagem dele pra mim, porque surgiu a vontade de ouvir essa música do nada! Ai veio essa agora, que eu não consigo parar de ouvir:


Pode ser maluquice minha, as vezes eu acho que é... Mas elas são mensagens como as que ele me mandava as vezes... Eu continuo sentindo a presença dele por perto, não sou espírita, mas acho que é apenas a minha saudade que se recusa a aceitar que ele foi embora... Que ele morreu. Hoje, quando eu vinha pra casa, a minha irmã me ligou mandando eu pegar um moto táxi... Eu disse a ela que não... Que ia voltar caminhando mesmo, sozinha. Por que eu sei que nunca ando sozinha, quando vivo o David sempre me protegia, nunca me deixava voltar a noite sozinha pra casa, não deixava ninguém mexer com a gente... Eu sei que ele ainda me protege lá de cima... Eu sinto. Ele fala que está perto quando me toca com uma brisa, quando me fala em um sonho, ou em uma música... Por mais que possa ser apenas o meu coração dizendo que eu preciso me conformar que ele se foi... Eu quero me agarrar a essa ilusão, talvez ajude os meus dias a serem menos amargos, porque vazios eles serão para sempre... Até eu ver ele de novo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário