domingo, 28 de abril de 2019

[Dorama] Love Rerun

Título Original: ラブリラン (Rabu Riran)
Direção: Kyohei Fujimura
Roteiro: Yuko Nagata, Rieko Obayashi
Ano: 2018
País: Japão
Gênero: Romance
Episódios: 10
Elenco: Anne Nakamura, Yuki Furukawa, Aimi Satsukawa, Nana Katase, Ryohei Otani e Aya Omasal

COmpleto no Mahal Dramas e Céu Asiático


Sinopse: Minami Sayaka (Nakamura Anne) é uma designer e trabalha para uma empresa. Ela tem 30 anos, é solteira e não teve nenhuma experiência amorosa por nutrir um amor não correspondido por 15 anos pelo amigo de infância Sagisawa Ryosuke (Otani Ryohei). Uma manhã, Sayaka acorda e dá de cara com Machida Shohei (Furukawa Yuki), um colega de trabalho que ela mal conhece. Ela entra em pânico e Shohei revela que eles estão em um relacionamento e morando juntos. Aparentemente, Sayaka perdeu a memória dos últimos 3 meses. Ela se pergunta como isso aconteceu...

Eu tinha começado esse drama ano passado porque estava como revisora das legendas, mas a tradutora do japonês acabou sumindo e então, esse ano, o Mahal colocou os dez episódios de uma vez de modo que decidi trocar o que eu ia assistir (Hanadan next season) que não estava fluindo para finalizá-lo. As coisas nesse mês de Abril foram bem complicadas, acabei me atrapalhando inteira e não consegui cumprir as metas que havia estabelecido para o mês, então vou tentar recuperar o tempo perdido em Maio. Mas vamos ao drama.

A história gira em torno de Sayaka, uma designer de 30 anos sem qualquer autoestima e experiência no amor. Um dia, ela acorda no chão de um apartamento que não reconhece e descobre que perdeu a memória dos três últimos meses da sua vida. Mais que isso, está morando junto de Machida Shouhei, seu colega de trabalho mais novo, e teve sua primeira vez com ele, mas os dois haviam terminado a relação e ele queria que ela deixasse seu apartamento. Para piorar, o apartamento que era de Sayaka foi cedido à sua melhor amiga grávida e, por isso, ela não podia voltar para casa.

Ela acaba fazendo um acordo com Machida. Ele a deixa ficar no apartamento até que ela recupere a memória e, depois, ela vai embora. Sayaka não consegue se lembrar de como se apaixonou por Machida quando seu amor da vida sempre foi Ryo, seu melhor amigo desde a infância. Ela o procura uma vez que ele é a única coisa constante da qual sua mente recorda, mas seu amor de longa data está noivo de Mizuki com quem mora junto. Ainda assim, Sayaka se declara pra ele, mas recebe em troca uma recusa carinhosa.

Na sua luta para recuperar a memória, ela começa, aos poucos, a se recordar da sua vida com Machida enquanto convive com ele e percebe que seus sentimentos por Ryo podem não ser tão fortes quanto ela pensava, porém além do seu melhor amigo de infância, a ex namorada de Machida aparece disposta a reconquistá-lo, os fragmentos de memória de Sayaka surgem aos poucos e ela se vê encurralada ao se descobrir apaixonada por Machida.

Confesso que eu fiquei um pouco frustrada com o final desse drama, as coisas aconteceram de modo atropelado como os dramas coreanos as vezes costumam fazer e isso me irrita. Não apenas as escolhas de Machida e Sayaka que por vezes me davam nos nervos, mas a enrolação mesmo, além de achar que podiam ter esticado o final um pouquinho. Contudo, no geral, é um drama muito bom e o mistério em torno da memória de Sayaka deixa a gente ávido pra descobrir o próximo capítulo. Num cômputo geral, eu gostei.

Nenhum comentário:

Postar um comentário