quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Sorrow

Hoje eu vim falar de dor... Essa maldita sensação que me persegue a cada segundo, quebrando o meu coração... Eu não posso mais caminhar, não tenho mais forças para seguir... Queria que isso tudo acabasse de uma vez...

Esses dias eu tenho sentido uma angústia muito forte, um medo avassalador, uma tristeza fúnebre... e acada dia, a cada segundo os meus passos parecem me levar ao mesmo precipício... Rumo à decadência que é o meu caminho, o ponto para o qual sigo...
Eu tenho tentado me trancar dentro de mim, reconstruir o mundo que eu abandonei com a falsa ilusão de conseguir seguir em frente, de conseguir sorrir verdadeiramente... Como me enganei, quando eu pensava que tudo havia tomado um rumo diferente me vi novamente caindo no abismo da dor e do deespero que me assombra desde a infância...
Não importa o que eu faça, nem para onde eu corra... Todo caminho leva sempre ao mesmo lugar, um pântano escuro onde não há sequer um rastro de amor ou fraternidade, onde o amor foi esquecido e a compaixão há muito faleceu.... Eu tenho as lágrimas como única companhia... e sigo em frente com meu sorriso falso que engana a todos menos ao meu fraco coração já muito flagelado pela angústia...
Assim, meus amados amigos... Aqui eu deixo minhas singelas palavras de desabafo... O desabafo de uma dor que corrompe meu espírito e que ha muito me acorrenta... Eu estou seriamente assustada com tudo e com nada... e essa angústia constante que me persegue está longe e muito de encontrar seu fim...

Um abraço apertado!

3 comentários:

  1. Oi querida amiga,desculpe nao ter vindo aqui esses dias é q estou muito ocupada, mais vim pq nao posso deixar de ler seu blog maraviçlhoso

    ResponderExcluir
  2. OI PASSEI RAPIDINHO AQUI PARA V AS NOVIDADES E MATAR A SAUDADE FFLOR. TE ADORO, VC É MARAVILHOSA BEIJOS

    ResponderExcluir
  3. Nossa... dá pra sentir a tristeza. Em parte compartilho, os ultimos meses tem sido assim também... espero que os dias de sol tragam muito mais do que luz e calor... deixem também um tanto de esperança.

    jopz

    ResponderExcluir