terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Happy Birthday Amy!

Bem pessoal como acho que vocês sabem hoje é aniversário da bela e talentosa Amy Lee! Então, como eu sou uma fã do evanescence e também uma admiradora dessa mulher incrível, decidi postar uma homenagem para ela aqui no meu cantinho! Se você também é fã acompanhe comigo a tragetória dessa gata!
                                         ***
Filha de John Lee, um DJ e personalidade da televisão e de Sara Cargill. Tem um irmão, Robbie, e duas irmãs, Carrie e Lori. Lee teve uma irmã que morreu em 1987 aos 3 anos de uma doença não identificada. Foi relatado que a música "Hello", do álbum Fallen foi escrita em homenagem a sua falecida irmã, bem como a música "Like You" de The Open Door.
Lee teve aulas de piano durante nove anos. Sua família mudou-se para vários lugares, incluindo Flórida e Illinois, e acabaram por se instalar em Little Rock, Arkansas, onde o Evanescence nasceu. Frequentou Middle Tennessee State University para estudar teoria musical e composição, e forçá-la a focar Evanescence.
Em uma entrevista com Lee diz que as primeiras músicas que ela se lembrou de escrever eram chamados de "Eternity of remorse" e "A Single Tear". O primeiro foi escrito quando tinha onze anos e queria ser uma compositora clássico, e o segundo foi para uma sessão quando estava na oitava série.
Lee revelou durante uma transmissão ao vivo do episódio MuchMusic a 9 de janeiro de 2007, do Live @ Much, que tinha ficado noiva na noite passada. Mais tarde confirmou no EvThreads.com que Josh Hartzler, um terapeuta e amigo de longa data, propôs casar-se com a ela. Afirmou numa entrevista que as canções "Good Enough" e "Bring Me to Life" foram inspirados por ele. Se casaram em 6 de maio de 2007 e sua lua de mel foi nas Bahamas. Mais tarde, a cantora colocou no EvThreads que ela era "agora oficialmente Mrs. Amy Hartzler".

Evanescence

Lee se apresentando em Miami, Floridaem 2007.
Amy Lee fundou a banda Evanescence juntamente com Ben Moody quando se conheceram num acampamento para jovens. Ben (com quatorze anos) estava assistindo uma partida de basquete quando ouviu Amy (com treze anos), tocando e cantando "I'd Do Anything For Love (But I Won't Do That)" deMeat Loaf no piano. Logo começaram a conversar; Amy mostrou a Ben algumas composições de sua autoria, eles concluíram então que tinham a mesma tendência musical. Assim, Ben convenceu Amy a formarem uma banda, surgiu então o Evanescence que mistura elementos de rock com música clássica, e anos depois isso se tornou o seu grande diferencial.
A banda, que até aquele momento era formada por apenas Ben, que fazia guitarras, baixo e arranjos eletrônicos; e Amy, responsável pelo piano e vocais; passaram por vários nomes como Childish Intentions e Strycken até resolverem chamar a banda de Evanescence, que significa "desaparecimento" (do verbo latino "evanescere", que significa "desaparecer"). O nome agradou Lee, porque segundo ela "é misterioso e sombrio, e coloca uma imagem na mente das pessoas".
Em 22 de outubro de 2003, a Moody deixou a banda alegando "diferenças criativas". Em uma entrevista meses depois, Amy diz, "... Tínhamos chegado a um ponto em que se algo não mudar, não teríamos sido capazes de fazer um segundo álbum, "Ele disse:" Somos, finalmente, uma banda real, não apenas Ben Moody e eu e alguns outros juntos" O ex-guitarrista do Cold, Terry Balsamo substituiu Moody da banda, tanto na guitarra como um compositor com Lee.

Projeto a solo

Numa entrevista dada em outubro de 2008 ao Spin.com, Lee disse que estava a escrever novas canções, possivelmente para o lançamento de um álbum a solo. Citou o folk e música celta como influências e que pretendia voltar às antigas raízes. Não forneceu dados mais detalhados, mas que queria demonstrar que "era mais do que um pónei" e que não eram todas músicas tristes.
Igualmente em outubro do mesmo ano, Lee deu uma entrevista ao The Gauntlet em que disse que não sabia se ia ou não iniciar uma carreira a solo, que estava "num ponto em que não sabia o que viria a seguir". Disse ainda que a sua banda estava junta mas que as digressões eram monotonas. Falou ainda que estava escrevendo novas canções, mas que ainda não sabia para que finalidade eram.
Em meados de 2009 e 2010, gravou a música "Halfway Down the Stairs" para o álbum tributo aos Muppets como um aperitivo do novo álbum do Evanescence, a música conta com efeito eletrônicos que ela citou em várias entrevistas.
(Fonte: Wikipédia)

Querida Amy, para você nossos calorosos Parabéns! Que a sua vida seja fantástica e que você continue nos encantando com sua voz incrível!!! Amo você!

Nenhum comentário:

Postar um comentário