quarta-feira, 26 de dezembro de 2018

[Drama] Scarlet Heart 2

Título Original: 步步 惊 情 2
País: China
Episódios: 35
Gênero: Romance, drama
Direção: Lee Kwok-lap

Sinopse: Após três meses que Zhang Xiao acordou do coma, ela ainda não consegue esquecer o quarto príncipe. Um dia no museu, ela encontra um homem idêntico a ele: Yin Zheng, o enteado do presidente da corporação Zhentian. A fim de descobrir sua conexão com o quarto príncipe, Zhang Xiao se torna uma designer na Zhentian. No entanto, um acidente a faz perder suas lembranças como Ruoxi. Ela inicia um namoro com Kang Sihan, meio-irmão de Yin Zheng, e se encontra involuntariamente presa no centro de uma luta de poder.

Gente, que drama mais doido foi esse? Não sei se vocês lembram, mas eu fiz a resenha da primeira temporada de Scarlet Heart esse ano, tinha começado a ver essa logo depois, mas deu um problema na conta da VIKI que eu usava e acabei passando outros dramas na frente, já que nenhum fansub pegou esse projeto. Se você não leu a resenha da primeira temporada, clique aqui. 

Então, não posso dizer que gostei desse drama que seria mentira. Mas também não posso dizer que não gostei porque ele não é de um todo ruim, mas teve muita coisa que foi bem irritante e outras que não fizeram o menor sentido. A intenção, creio eu, era tapar os buracos deixados na outra história, mas no fim das contas não resolveu foi nada, acabou se criando um enredo quase sem pé nem cabeça numa trama para os queridinhos do quarto príncipe terem seu finalzinho feliz. E eu não sou uma delas.

Tem umas personagens que até agora eu tento entender de onde saíram e para que servem. Mas, vou tentar fazer um resumo coerente dessa coisa toda. Bom, pra começo, Zhang Xiao acorda do coma após ter sido eletrocutada no começo da primeira temporada, seu ex-namorado traiçoeiro (que não é mais o lindão do Ma Tianyu) está com ela e, em pouco ela volta pra casa. Dias mais tarde, em uma exposição da dinastia Qin num museu, ela encontra Yin Zheng, um dos herdeiros de uma grande empresa. Ele é a cópia do famigerado quarto príncipe, ela chora e ele se aproxima dela para saber se está tudo bem.

Após isso, Yin Zheng fica com a expressão dela na cabeça e, em um dos eventos promovidos pela Zhen Tian, empresa do seu padrasto, ele encontra Lan Lan, que é idêntica a Zhang Xiao. Acreditando ter sido ela que ele encontrou no museu, ele decide se aproximar e não demora quase nada para que os dois comecem a namorar. Lan Lan é uma modelo famosa com carreira no exterior, mas que parece ter vários segredos sujos ligados ao segundo tio de Yin Zheng, que está usando o sobrinho para destruir a Zhen Tian e se apossar como presidente. Coisa que Yin Zheng sempre quis, por acreditar que o padrasto matou seu pai biológico, mas que o presidente (que na verdade é a "reincarnação" do imperador Kang Xi) tem planos para que seu filho biológico, Kang Si Han, assuma a presidência.

Porém, Lan Lan está trabalhando em segredo com Yin Cheng Gui. o irmão do padrasto de Yin Zheng, começa a armar pequenos conflitos que pioram ainda mais as coisas dentro da empresa. Por causa de sua semelhança com Zhang Xiao, a modelo a usa algumas vezes para se passar por ela e, assim, enfrentar perseguiçoes no seu lugar. Desesperada para encontrar sua liberdade, ela acaba fugindo da perseguição de Cheng Gui, mas acaba morrendo, bem na época que Zhang Xiao descobre que as duas são na verdade gêmeas (wtf?) separadas na infância. Porém, a relação dela com Yin Zheng ainda continua não avançando. Há o irmão mais novo de Si Han e Yin Zheng, Si Yu, que desconfio ter ficado no lugar do 13º príncipe, tanto que Luwu é uma das funcionárias do bar dele, tem uma queda por ele embora Si Yu não note (típico) e ele acaba demonstrando algum interesse por Zhang Xiao, mas nunca vai pra frente (aff).

A empresa de Si Han, Z&X, é uma potencial concorrente da Zhen Tian. Si Han é um perfumista de renome e, ao se mudar de volta para China na tentativa de estabelecer sua empresa lá, ele acaba encontrando problemas por causa Yin Zheng que está disposto a não permitir que ele prospere. Por causa disso, ele acaba indo para a Zhen Tian onde é nomeado vice presidente para fúria de Yin Zheng. Nesse meio tempo, Zhang Xiao conseguiu um trabalho de designer na Zhen Tian e era a secretária de Yin Zheng. Ela e Si Han se conheceram por acaso após um pequeno incidente e ele se viu encantado por ela. Com a mudança da presidência, ele acaba tendo-a como secretária e os laços entre eles se intensificam. Enquanto Yin Zheng é rebaixado como punição pelo padrasto.

O negócio é que, antes de voltar à China, Si Han namorada Xin Yu, a melhor amiga de Zhang Xiao, e mesmo tendo terminado o relacionamento antes de voltar, a menina nunca aceitou o término. Ela volta para a China um tempo depois quando Si Han e Zhang Xiao já estão em um relacionamento ha alguns meses, o que complica ainda mais a relação dos dois. Por isso, eles decidem fingir que não se conhecem, mesmo que Si Han seja contra isso. Mas Cheng Gui, para prejudicar a imagem de Zhen Tian, acaba revelando a verdade no dia do casamento de Xin Yu, ela foge do casamento e acaba sendo atropelada, morrendo em seguida junto do filho que esperava. Xin Yu era, na verdade, a reencarnação de Yutan, serva de Ruoxi no passado e que foi literalmente cozinhada no vapor pelo quarto príncipe.

Sentindo-se culpada pela morte da amiga, Zhang Xiao quebra qualquer laço com Si Han que acaba saindo da cidade e sendo sequestrado. Milagrosamente, Yin Zheng começa a descobrir que fora Zhang Xiao que ele conheceu no museu e não Lan Lan. E ela também volta, depois de mais da metade do drama, a lembrar o passado como Ruoxi. Aí começa aquela enrolação de briga pela presidência da Zhen Tian, os conflitos familiares de irmãos que se odeiam e não escondem isso, Si Han fazendo a pose de oitavo príncipe que quer ser o virtuoso, mas no fim das contas é só um bom babaca, Yin Zheng como o quarto príncipe nojento, falso, mentiroso e cruel. Zhang Xiao ainda pior que Ruoxi é aquele tipo de personagem que você só torce pra morrer mesmo porque a única coisa que ela faz bem nesse drama é chorar. Fora isso serve pra mais nada.

Achei essa segunda temporada maçante e desnecessária. Não consegui comprar essa ideia de Yin Zheng e Zhang Xiao desde a primeira temporada. Nunca shippei ela com aquele príncipe escroto nem no passado nem no presente. O desenrolar das coisas foi lento como uma lesma e parecia que não tinha fim, as mesmas personagens reaparecendo e morrendo de novo, aquele mesmo finalzinho fuleiro de quem torce pela felicidade de um casal que achei super sem sal e sem química e uma briga mesquinha por uma empresa quase afundada. Não gostei.

E esse foi o meu último dorama de 2018, tão ruim quanto esse ano inteiro foi e o próximo será. Já vou fazer a lista do ano que vem e espero que tenha melhores emoções na ficção já que a realidade não vai ser nada boa. Abraços, pessoas!

Nenhum comentário:

Postar um comentário