quarta-feira, 13 de fevereiro de 2019

[Anime] Brothe's Conflict

Título Original: ブラザーズ コンフリクト Burazāzu Konfurikuto
Ano: 2013
Direção: Atsushi Matsumoto
Roteiro: Natsuko Takahashi
Episódios: 12

Sinopse: Hinata Ema é a única filha de famoso aventureiro chamado Hinata Rintarou. Um dia, Ema descobre que seu pai vai se casar com uma fabricante de roupas de sucesso chamada Asahina Miwa. Pelo fato de não querer perturbá-los, decide se mudar e morar com seus treze novos irmãos em uma mansão conhecida como Sunrise Residence. Como vivem sob o mesmo teto, um romance começara a crescer entre Ema e os irmãos Asahina.

Eu tinha separado esse anime e Pretty Li Hui Zhen pra ver esse mês, mas como o drama é enorme, decidi passar o anime na frente porque conseguiria terminá-lo em três dias. De início eu nem lembrava porque tinha colocado Brother's Conflict na minha grade, quando li a sinopse ficou claro o motivo: incesto. Vocês sabem que eu sou maluca por um romance entre irmãos nas obras japonesas, eles fazem ser muito fofo e meu sonho de princesa é ter um anime de True Love. 

A premissa do anime é bem simples, Ema se muda para o prédio onde moram seus irmãos recém adquiridos com o casamento de seu pai e a mãe deles. Eu não tenho ideia de como, mas essa mulher conseguiu dar a luz a 13 criaturas (12 na verdade, um é adotado). Creio que ela não tinha netflix em casa porque né? Bem, são treze criaturas bem peculiares, alguns já adultos que trabalham e outros que vão decrescendo para a idade dela. O impacto inicial é muito positivo (ou nem tanto) uma vez que todos a tratam bem (até demais), mas Ema fica muito confusa com a beleza e os modos pra lá de atirados dos seus novos irmãos. 

Ela tem Juli, seu esquilo inseparável que está lá para protegê-la dos irmãos que na sua visão são lobos prestes a devorar a menina (não que ele esteja muito errado kkk), conforme a convivência entre eles avança, os irmãos começam a entrar em conflito por causa dela, cada um à sua forma se apaixonando pela menina (do nada, diga-se de passagem) e deixando-a numa situação bem complicada.Quem será capaz de conquistar o coração da passiva Ema, afinal?

Apesar de serem 13 protagonistas para 1 heroína, ela tem mais interação com alguns deles, em especial porque do contrário seria quase pedofilia kkkk. De todos o que mais gostei foi o Louis porque ele é um amor e se eu fosse escolher alguém pra ela ele seria perfeito, mas ele a amava como sua irmã e eu achei isso ainda mais fofo. E teve também o Tsubaki porque ele era bem direto sobre seus sentimentos. Eu odeiei o Fuuto porque ele era um babaca metido, e tinha horas que a Ema me lembrava aquela menina do Diabolic Lovers (que até hoje não consegui terminar) tão ativa quanto um pudim quente! Aff. Ainda assim, achei o anime uma fofura e o final muito pertinente também.

Pelo que eu li ele é baseado em uma novel de 5 volumes e um otome game. Pelo menos eles não fizeram algo no estilo Yosuga no Sora o que deixou a coisa toda mais leve e divertida. Super recomendo! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário