terça-feira, 15 de outubro de 2013

Hoje é o dia da Beleza!

Oi pessoal, bom eu decidi hoje por algum acaso do destino falar com vocês sobre a Bela e a Fera, que é uma metáfora sobre a aparência, mas ao que parece, pelo menos no meu dia, tudo girou em torno desta temática, julgar apenas pelo que está fora. Algumas coisas me chamaram a atenção e eu queria escrever um pouco sobre isso e conversar com vocês.
Em primeiro lugar, encontrei por acaso no youtube esse vídeo:
Viram como só olhando para o garoto por não estar dentro do "padrão" midiático e por ser retraído eles duvidaram que ele ia conseguir? As pessoas tem a péssima mania de julgar pela aparência, quando nos olham só vêem o externo sem ao menos nos dar a oportunidade de nos mostrar, de nos deixar conhecer. Pois é, elas sempre acabam se surpreendendo conosco. Posso nunca ter ido à mídia para ser "humilhada" em público, mas eu sei bem o que esse cara sofreu nesses poucos minutos, e gente existem milhões de pessoas que passam por isso todos os dias. Todos os dias mesmo. Agora, quando estava lendo as leituras do dia, vi essa passagem no evangelho de hoje:
39O Senhor disse ao fariseu: “Vós fariseus, limpais o copo e o prato por fora, mas o vosso interior está cheio de roubos e maldades.40Insensatos! Aquele que fez o exterior não fez também o interior?  (Lc 11,37-41)
Veja como até a bíblia está no contexto, o que me remete novamente àquela frase no meu caderno da oitava série: Se houver luz na alma, haverá beleza na pessoa. Eu sei que pode parecer meio "batido" essa coisa de beleza interior, mas pensem comigo, não é válida essa afirmação? Não é realmente por dentro que devemos ser belos? De que adianta ter a maior das belezas do mundo e ser uma pessoa egoísta, mesquinha, indiferente, sem amor verdadeiro, sem nenhuma qualidade verídica? Beleza não é uma qualidade, é uma consequencia. Isso pelo menos é o que eu penso, não existem pessoas feias, quando você conhece alguém sem os dotes midiáticos de cara fica apreensivo - nem diga que não, todo mundo fica! - mas quando conversa com ela, passa a conhecê-la um pouco mais e vê que ela tem caráter, personalidade, é inteligente, você passa a vê-la de outra forma. Quer um exemplo disso?
Pegue o David - Está na página David's Place aqui no blog nas guias superiores - para todo mundo ele era feio. Mas para mim não, para mim o David era a pessoa mais linda do mundo, eu conhecia o coração dele, o caráter, a inteligência, a luz que havia em sua alma, quem conhecia o David o via como um cara lindo como ele realmente era. - momento nostalgico agora...
O mundo prega o princípio da embalagem, o que vale hoje em dia é você ser magro, ter um rosto de anjo e uma conta bancária ilimitada. Onde estão as coisas que realmente importam? O caráter, a personalidade, a bondade, o amor próprio e pelos outros... Quando a gente morre, não leva a embalagem junto, e até mesmo a pessoa mais bonita vai se decompor sob a terra - isso se não for cremada u.u - de um jeito ou de outro pessoal, somos todos iguais, feitos de carne e sangue, com sentimentos, com beleza - ok alguns são realmente feios completamente gente que julga os outros pra começar. - Não pare na embalagem de alguém, veja antes se o conteúdo vale a pena, as vezes os pontos pretos na fruta não querem dizer que ela está podre, ela pode estar mais gostosa do que a que tem a casca perfeita. Pense nisso.

2 comentários:

  1. Infelizmente é muito dificil achar alguém que não veja apenas beleza. Julga os outros pelo cabelo, pela pele, pela roupa, mas raramente pelos atos. Dá um ódio de gente assim, que pensa que o exterior é tudo!
    A frase do seu caderno de oitava série é muito linda e, apesar de curta, resumiu todo esse post e outros sobre o assunto!
    Ótimo post, Kath :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu nunca consegui esquecer Rob, ela realmente me passou uma verdade que tomei como minha para sempre, parecia que a minha mãe queria me dizer aquilo.
      Obrigada por comentar sempre *U* minha diwa linda!!

      Excluir