segunda-feira, 2 de abril de 2012

Changing

1001961-7-1333373550657_large
Bom, a minha mãe ta um pouco melhor, ainda enjoada, mas eu sei que ela vai ficar bem, isso me acalma muito eu estava muito preocupada com ela... Ainda estou.
No sábado nós fomos juntas fazer as compras de supermercado, não me lembrava como era divertido, o homem que trabalha na sessão de congelados me chama de "minha princesa" ele é uma graça, minha mãe e ele são amigos há um tempão. Passar esse tempinho com ela não tem preço! Eu me sinto muito mal em ver ela fraquinha como está...  Hoje eu estou um pouco cansada, lavei umas roupas e tive que passar o dia cuidando da cozinha, ja que a minha mãe passou o dia de cama... Conseguiu levantar agora.
Nesses dias eu tenho pensado um pouco sobre a minha vida... O rumo que as coisas estão tomando está me deixando preocupada. Eu estou pesando 62kg, meu livro está parado, minha cabeça da voltas e mais voltas e não chega em lugar nenhum, minha tristeza está aumentando e minha estima a essa altura ja está no nucleo da terra! Então eu decidi tomar algumas providencias...
Primeiro vou organizar a minha rotina, e ainda bem que eu tenho uma agenda, vou tentar organizar o meu tempo para fazer tudo que eu preciso fazer e ordenar também a minha alimentação;
Ontem eu testei comer salada junto com a comida... Foi meio estranho. Acho que porque eu não estou acostumada, mas eu estou gorda então preciso de qualquer forma perder peso, a forma mais rápida e eficaz seria parar de comer, mas se eu fizer isso o Ju tem um colapso! Então, vamos do jeito difícil mesmo... Vou tentar caminhar pelo menos quinze minutos por dia... Eu percebi que sinto mais vontade de comer besteiras quando estou nervosa, ansiosa ou tensa... Então a partir de hoje estou riscando da minha lista:
- Biscoito recheado;
- Salgadinho de qualquer espécie;
- Chocolate;
- doce;
Essas coisas que eu adoro comer. Isso tudo ta fora do meu cardápio diário, embora eu ainda esteja me perguntando como eu vou criar força pra resistir a isso... Mas no momento eu vou continuar assim o máximo que puder, força de vontade... Eu tenho que arrumar nem que seja por meio de mutilação! Vou voltar a trabalhar no meu livro, dedicar um tempo as coisas que me fazem bem e que eu tenho deixado de lado, e diminuir o meu tempo de pc... Me dedicar a outras atividades... Quando as terapias começarem, tenho que encaixar elas na minha nova rotina. O meu tempo no pc vai ser dedicado ao meu post diário aqui, e uma olhada rápida nas redes sociais, tenho que desapegar um pouco do facebook também! As coisas tem que entrar nos eixos. Ainda hoje vou organizar a minha agenda e começo a rotina nova amanhã mesmo. A minha vida tem que voltar ao normal, eu quero as coisas que eu perdi de volta, tenho que parar com essa mania de insistir em ser triste... Mesmo que não seja cem por cento culpa minha eu posso pelo menos fazer algumas coisas pra tentar amenizar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário