quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Feel Good

Eu acordei às 7h30min mesmo tendo ido dormir às 2h a.m. e por incrível que pareça eu acordei com um humor ótimo e não dormi a tarde, o que é estranho, normalmente eu nunca fico "ligada" na tomada assim. O dia transcorreu bem, passei a maior parte do tempo estudando e como ando meio desestimulada não trabalhei mais em Avalanche que, mesmo completa precisa dos benditos ajustes e da revisão. Mas eu não estou com estado de espírito para mexer com ela agora, ainda estou inclusive cogitando a ideia de publicar. Meu dia teria sido melhor se a minha professora de Inglês tivesse dado o ar da graça  para me dar aula, não sei o que acontece comigo e as aulas de inglês, mas parece castigo, além de só serem duas por semana sempre acontece um imprevisto bem no dia! Chega a ser frustrante. Agora eu estou com um texto sobre o criador de Sherlok Holmes para traduzir e entregar na semana que vem, inspirador.
Hoje particularmente eu me senti bem, acho que a pressão da TPM passou completamente uma vez que a minha regra foi embora hoje, mesmo assim ainda me deram alguns espasmos de tristeza... Eu ando muito sensível esses dias, por mais que eu tente evitar que o choro sem motivo volte parece que ele não é muito obediente, ai eu tento me perguntar porque eu choro na tentativa de que ele vá embora e resultado: Aparecem motivos. Pelo menos isso... Não são de um todo anônimos  e há um avanço, consigo me controlar em público... Antes não dava, eu simplesmente chorava incontrolavelmente, agora consigo disfarçar principalmente na faculdade e devo confessar que os livros e a música são grandes aliados, o livro Sussurro está cada vez mais fantástico, amo o clima de mistério que envolve tudo, eu gosto muito de mistério acho que porque sou incapaz de escrever esse gênero. Foram poucos os gêneros que eu me atrevi a tentar fazer que não fosse especificamente romance e não acho que me saí muito bem. Apocalyptica foi provavelmente minha única tentativa menos frustrada.
Hoje a noite durante a aula eu estava mentalmente me perguntando o que é que tem na cabeça de certas pessoas que estudam comigo, parece que não se dão conta que ja estão na faculdade e que as coisas são diferentes e o pior: Não aproveitam os poucos professores brilhantes que temos. Carlos é um exemplo de um deles, é um professor fantástico! Inteligente como acho que ninguém consegue, no entanto nas aulas dele a maioria só fica conversando besteira e perdem a riqueza de saberes que ele passa pra gente. Evandro é outro sem comparação, ilustríssimo! Assustador de certa forma, mas sábio como só ele! E mesmo assim a maioria é dispersa na aula, claro que de forma mais discreta. Isso me chateia, acho uma falta de respeito com professores tão incríveis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário