segunda-feira, 31 de outubro de 2016

Rap Monster Mixtape

Oi, galerinha!

Vocês sabem que eu curto muito o BTS, não é? Assim como muitas outras bandas de Kpop, meu bias do BTS é o Suga e fiquei muito animada com o August D, um album verdadeiramente irreverente que mostra muito da personalidade inteligente e "explosiva" do nosso Yoongi. Não obstante, hoje vi na página da ARMY'S BR (Fãs) no facebook que o Rap Monster está com um mini álbum solo, eu esperava que o Jin lançasse um porque ele realmente manda muito bem nos solos. Eu não vou dizer que vivo procurando tudo que eles fazem vinte e quatro horas, não fico, tenho outras atividades além de ficar no pé das bandas que curto, gosto da música e curto a música, ponto. O grande mas desse post está nas letras das músicas do RM, uma coisa é você ser fã de determinada banda e outra é passar a mão na cabeça deles achando os erros lindos e aplaudindo de pé tudo que eles fazem, mesmo que contradigam as coisas que você acredita. Li a algum tempo sobre as letras do BTS serem sexistas, eles estavam respondendo um processo sobre isso e o RM havia de fato concordado com isso, mas não são todas as letras deles que são sexistas, de fato, há algumas letras realmente irreverentes como No More Dream que eu gosto muito, principalmente a versão japonesa, e o Rap Monster veio com uma letra muito bacana (palavrões a parte) em DO YOU:

"Porque dói, é a juventude"
Esse tipo de definição é o maior problema
Na vida de um estilo é uma armadilha, assim como a música
Porque você se torna um idiota já que você está preso a isso
Foda-se. Você sempre será único
Mesmo que você não seja perfeito, é edição limitada, vamos lá
De qualquer forma que alguém te queira,
apenas seja você

Você você você você
(Faça a porra que você quiser)
Você você você você
(Faça a porra que você quiser)
Você você você você
(Faça a porra que você quiser)
Você você você você
Que porra você quer?

Quase poderia dizer que o SUGA escreveu isso (rsrsrs) é bem a cara dele. O problema está em outras letras do Mixtape que, na minha opinião são sexistas e ofensivas de certo modo, coisas como 50 Cent costuma fazer ("Vou dar um tiro na bunda da sua mãe"), acredito que o BTS vai além desses estereótipos do rap americanizado, não precisa tratar a mulher como um objeto sexual "não pensante" porque isso é uma droga, rap pode ser irreverente sim, mas também pode ir muito além desse pensamento sexista repetitivo dos rapers americanos que só falam de sexo e usam um palavrão a cada duas rimas. Essas foram as imagens divulgadas no grupo do facebook de duas músicas do RM:

Eu fiquei tipo: sério isso? Essa Expensive Girl deve ter tido a intenção de ser uma música para "flertar" seduzir ou coisa do tipo, mas de boas, achei muito desnecessário. Sei lá, acho que a música pode ser irreverente sem apelar, SUGA está aí pra provar isso. O fato de você ser fã de um raper americano não implica repetir os erros deles. Música é mais que uma batida legal que faz você querer se mexer, se a letra for uma droga não vale a pena. Acerta em uma e peca em outras, faz parte, mas não sou obrigada a aprovar isso. Nem a ouvir. Mas essa é a minha opinião, não estou desmerecendo o trabalho do RM, ele é um excelente rapper! A Mixtape tá bem bacana, excetuando algumas letras como essas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário